Mulher mata empregada com tiro na cabeça após descobrir que era amante do marido

De acordo com polícia o crime ocorreu dentro do restaurante da família 

Um crime chocou a localidade entre Catalão e Divinópolis (MA). Uma mulher de 38 é suspeita de ter matado a jovem Ana Vitória Pereira, de 19 anos, com um tiro na cabeça, dentro do restaurante da acusada.

Segundo informações da Delegada Alessandra Castro, responsável pelo caso, Ana Vitória que trabalhava na estabelecimento da mulher como ajudante e era muito querida pela patroa. Mas em determinada ocasião, Ana Vitória revelou a mulher que mantinha um caso com seu marido.

De acordo com testemunhos de pessoas que conheciam os envolvidos, a patroa tinha uma ótima relação com  a vítima e estaria inclusive ajudando a jovem a organizar um chá de casa nova.

Em depoimento a polícia, a acusada acabou confessando o crime. Ela alegou que perdeu a cabeça, pois mantinha uma relação muito afetuosa com a funcionaria. Mas que ficou sabendo que a mesma estaria tendo um caso com o seu marido. Ela então chamou a jovem até o restaurante com a desculpa de que precisava de ajuda com a arrumação do local.

Quando Ana Vitória chegou ao local, a mulher perguntou se era verdade que Ana era amante de seu marido. A vitima então teria confirmado e começado a agredir verbalmente a esposa do homem, com palavras de baixo calão.

A mulher disse que ficou muito revoltada com toda a situação. Foi então que pegou a arma de fogo do marido e disparou contra a cabeça de Ana Vitória.

A mulher então fugiu do local do crime e a vitima morreu no local, antes mesmo do socorro chegar.

Dias depois, a acusada se apresentou a delegacia, onde prestou depoimento e foi liberada, pois já havia passado o período para prisão em flagrante.

A acusada responderá ao processo em liberdade.

Mulher mata empregada com tiro na cabeça após descobrir que era amante do marido
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: