Luísa Sonza rasga o verbo e polemiza em relação à carreira: ‘privilegiada por ser branca’

Luísa Sonza resolveu falar muita coisa e abriu sua vida pessoal e para falar sobre alguns temas que causam muita polêmica. Ela se mostra totalmente contra o racismo e apoia muito a causa, além disso ela comentou algumas regalias e dificuldades enfrentadas ao longo de sua carreira.

“Só por nascer branco, a gente é privilegiado. Eu sempre quis falar para as outras pessoas que não entendem isso. A gente tem que reconhecer isso, mas isso não significa que nossa vida não foi difícil”, disse a esposa de Whinderson Nunes em entrevista concedida ao portal de notícias UOL.

Ela não parou por aí, ela comentou também que as pessoas precisam ter conhecimento desse privilégio, olhar em volta e não tirar o lugar de fala de ninguém, sendo preciso mostrar e também reconhecer.

Para ela, quando uma pessoa branca consegue ter esse reconhecimento isso já é sinal de um grande passo e ela sabe ter noção do dela. Que isso é o mínimo que qualquer pessoa pode fazer em relação a sua própria vida e também ao seu legado.

Luísa também aproveitou a conversa e comentou um pouco sobre o feminismo, que é um dos temas mais comentados e discutidos no momento, inclusive, em suas entrevistas. Segundo a cantora, isso contribui muito para o crescimento pessoal.

Ela disse que é muito grata por ser uma pessoa empoderada desde muito cedo e que isso fez com que ela focasse nela mesmo e não no que os outros dizem sobre ela. Que esse tipo de situação acontece com todos e não só com ela pelo fato de ela ser famosa, e que todo mundo está sujeito a ter comentários negativos e que desejam o mal do próximo.

Luísa Sonza rasga o verbo e polemiza em relação à carreira: ‘privilegiada por ser branca’
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: