Estudo revela que mulheres gordinhas são mais felizes

A sociedade estipulou um padrão para as mulheres, e aquelas que estão acima do peso acabam se sentindo pressionadas; afinal, é quase uma obrigação ficar com a silhueta que ‘escolheram’. O problema é que muitas mulheres se importam tanto em agradar as pessoas que acabam esquecendo de cuidar da própria felicidade.

E um estudo aborda justamente esse ponto, pois uma pesquisa feita pela Universidade Nacional Autônoma do México revelou que a mulher acima do peso é muito mais feliz do que as magrinhas. E o motivo é óbvio: elas não precisam ficar perdendo tempo em seguir uma rotina que, na verdade, não querem.

Nem precisa dizer que a felicidade é fundamental para o sucesso pessoal e profissional, sendo assim, as gordinhas têm boas chances de conseguirem um bom relacionamento e alcançarem o cargo que almejam, pois conseguem manter-se focadas no trabalho e nos estudos, ao invés de dedicar seu tempo fazendo algo para atender as ‘exigências da sociedade’.

Estudo revela que mulheres “resmungonas” são fundamentais para a saúde dos homens

Felicidade e saúde precisam andar juntas

O fato das gordinhas contarem com tantas vantagens não significa que elas estão isentas de alguns cuidados em relação à saúde, pelo contrário, ficar acima do peso é sempre um sinal de risco e elas precisam ficar atentas a isto.

Mas o que fazer então? Ser uma gordinha feliz ou uma magrinha frustrada?

Na verdade, não precisa seguir nem um extremo, nem outro, o ideal é manter o meio termo; ou seja, procurar cuidar da saúde, mas sem se sentir cobrada.

A mulher deve buscar uma alimentação saudável, incluir atividade física no seu dia a dia, mas sempre tomando o cuidado de que isto deve ser feito visando sua felicidade, sem nunca querer ficar satisfazendo as expectativas das outras pessoas.

Estudo revela que mulheres gordinhas são mais felizes
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: