Estudante é morta pelo ex em SP ao não aceitar reatar relacionamento

Uma estudante de 16 anos foi esfaqueada e morta pelo ex-namorado, em Apiaí, no interior de São Paulo, por vingança. Segundo informações apuradas pelo G1, Luana Maciel dos Santos não aceitou reatar o relacionamento com Josemar de Paula Siqueira, de 33, e, por isso, acabou sendo assassinada. As informações foram divulgadas pela polícia nesta segunda-feira (26).

O homicídio ocorreu no domingo (25) em uma residência na Rua Itaóca, no bairro Palmital. A vítima estava na casa da irmã, segundo informações registradas no boletim de ocorrência, quando foi encontrada em uma cama, já morta, com perfurações no pescoço. Havia sangue espalhado pela cozinha e outros cômodos.

Policiais militares que atenderam a ocorrência foram informados por testemunhas de que o ex-namorado da adolescente, conhecido como “Baixinho”, foi visto com a vítima antes de ela ter sido encontrada morta. Siqueira foi, então, procurado pela cidade e acabou preso em flagrante pelo homicídio.

A Polícia Civil informou que Josemar negou o crime ao ser preso, mas, após audiência de custódia, a Justiça decidiu por mantê-lo preso preventivamente. A equipe de investigadores da cidade apura se outra pessoa participou do homicídio, assim como as reais motivação das agressões.

A suspeita inicial é de que o homem estivesse inconformado com o fim do relacionamento com a estudante. O corpo dela foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e o preso foi levado à Cadeia Pública de Capela do Alto.

Luana tinha 16 anos e foi encontrada morta em Apiaí, SP — Foto: Arquivo Pessoal
Estudante é morta pelo ex em SP ao não aceitar reatar relacionamento
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: