Caso Tainá: jovem chega à delegacia ao lado do marido e revela toda a verdade

Taina Queiroz é uma jovem de 18 anos, que reside na região de Pilar do Sul (SP). Recentemente, há três dias, ela declarou publicamente sobre um possível sequestro pelo qual passou. O acontecimento acabou sendo um dos temas mais debatidos no Brasil, quando seu marido, Raul, optou por comunicar o desaparecimento da mulher e da filha do casal.

Na Delegacia de Investigações Gerais (DIG), a garota declarou que sofreu ameaças do ex-patrão do marido (Luis Fernando Loureço). Ela também relatou que, para não retornar à residência, foi forçada a gravar vídeos falando que fugiu por convicção própria.

Assim, ela relatou: “O Luis Fernando falou que ia me levar para encontrar o Raul. De repente percebi que não era para Castilho que estávamos indo, mas para Sorocaba. Nisso, ele tirou meu celular e dizia que não era para voltar para a família porque o Raul estava me traindo e difamando”. 

Assim, mãe e filha sumiram no dia 3 de novembro, levando o esposo a suspeitar que elas haviam sido raptadas pelo seu ex-patrão. Acreditando nisso, ele foi até à delegacia e iniciou todo o processo de busca e apuração dos fatos com o objetivo de saber o que tinha acontecido.

Contudo, sua mulher e filha somente foram localizadas pela polícia após quase um mês, no dia 1° de dezembro, após uma denúncia à polícia do Maranhão, na qual foi solicitado a prisãode Luiz, que estava foragido da Justiça sob acusação de estelionato.

Luiz afirmou que já mantinha um caso com a mulher do ex-funcionário e que ambos optaram por fugir juntos. Com relação ao assunto, a mulher negou e realizou afirmações divergentes à versão do ex-patrão do marido.

Caso Tainá: jovem chega à delegacia ao lado do marido e revela toda a verdade
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: