Bebê nasce dentro de bolsa amniótica, foto viraliza e médicos explicam o fenômeno

O fenômeno raro é conhecido como empelicado, e acontece um caso a cada 100 mil nascimentos. Noah veio ao mundo na última segunda-feira (28) dentro da bolsa amniótica. Diante das câmeras fotográficas, o bebê faz caretas e movimentos com a boca como se estivesse mandando beijos.

No momento do parto, foi possível perceber o pequenino com a língua para fora, e fazendo movimentos com a boca. Apesar dos poucos dias de vida, Noah já está fazendo o maior sucesso, pois sua imagem viralizou na grande rede, afinal de contas a maneira como o pequeno chegou ao mundo foi muito diferente da maioria.

A mãe, Monyck Valasco, disse que seu filho “chegou chegando”, fazendo caras e bocas dentro da bolsa amniótica.

O parto raro

O empelicado é um parto extremamente raro, que, segundo Rafael Ângelo, ginecologista e obstetra, que realizou o parto de Noah, acontece apenas uma vez a cada 100 mil partos.

O médico é especialista neste tipo de procedimento, inclusive ganhou o apelido dos colegas de profissão e membros de sua equipe, de “rei dos bebês empelicados”. Esse tratamento é dispensado ao profissional desde 2018, ano em que realizou o primeiro parto deste tipo.

A partir de então o médico atuou no nascimento de oito bebês empelicados e diante de sua experiência, espera que outros momentos como estes ocorram.

Após de 39 semanas de uma complicada gestação, vítima de uma anemia grave, Noah chegou ao mundo por meio de uma cesariana. O bebê nasceu com 48 cm, e pesando 3,41 kg.

A também, ginecologista, obstetra e especialista em reprodução Renata de Camargo Menezes explicou que na cesariana, geralmente a manipulação do médico facilita a ruptura da bolsa, enquanto que no parto normal, a bolsa é rompida por conta da pressão exercida pelo útero em decorrência das contratações.

A médica ressaltou que o fenômeno protege a criança que sai de um ambiente escuro e cheio de líquidos para um ambiente mais claro, com diversos sons e diferentes temperaturas, dentro da bolsa amniótica, o bebê fica protegido por mais tempo e não sente um choque tão radical devido a mudança de habitat.

A fotógrafa Janaína registou o parto desta segunda-feira (28), e publicou a foto, como virou costume entre os fotógrafos e os papais corujas que querem compartilhar suas alegrias na grande rede. Janaína, natural de Vila Velha, especializou-se em ensaios documentais de partos e, teve seu trabalho reconhecido, no ano de 2018 a fotógrafa foi indicada a 18 premiações, inclusive para o maior concurso internacional do segmento.

Em decorrência da pequena dificuldade respiratória apresentada pelo bebê capixaba, ele precisou ser encaminhado para a Unidade de tratamento Intensivo (UTI) Neonatal e segue em observação em um hospital particular da cidade de Vila Velha.

Segundo informações da mãe, seu filho deve receber alta e, breve para seguir a vida com uma agenda lotada de compromissos.

Bebê nasce dentro de bolsa amniótica, foto viraliza e médicos explicam o fenômeno
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: