Bebê morre em leve batida de carro porque estava no colo do pai

Ao invés de estar na cadeirinha, o bebê passeava no carro no colo de seu pai na hora da batida

Um bebê de apenas onze meses não resistiu a uma leve batida de carro em Sidney na Austrália. Infelizmente, o pequeno Zachariah Wafta faleceu porque ao invés de estar na cadeirinha, ele viajava no colo de seu pai.

Zachariah foi sufocado pelo airbag do banco do motorista. A polícia acredita que seu pai estava dirigindo com o menino no colo quando o acidente aconteceu.

O acidente aconteceu às 17:30 na última segunda-feira (25/02). O pequeno chegou a ser levado ao hospital Westmead, mas faleceu na noite da última terça-feira (26/02). “Os machucados do menino consistiam com os de alguém que sufocou com o airbag”, disse o bombeiro Michael Corby em entrevista ao canal de televisão australiano Channel 7.

Uma testemunha do acidente revelou que o pai do menino entrou em pânico após a batida. “Ele só gritava pedindo para chamarem a mãe do menino”, disse a testemunha Lyn Carlin ao Channel 7.

Tanto o pai do bebê,  quanto o motorista do outro veículo escaparam do acidente sem nenhuma lesão.  Este triste caso é mais uma prova do quão essencial é o uso da cadeirinha na hora de levar os pequenos para passear de carro, mesmo que seja um passeio curto. Bebês e crianças até sete anos devem SEMPRE usar a cadeirinha e/ou assento de elevação ( este último caso a criança tenha entre 4 e 7 anos) ao passearem de carro.  O caso deste menino continua sendo investigado pela polícia.

Bebê morre em leve batida de carro porque estava no colo do pai
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: