Adolescente de 15 anos morre após comer o próprio cabelo compulsivamente

Uma jovem morreu, no último final de semana, vítima de tricofagia, também conhecido como síndrome de Rapunzel. O mal faz com que a pessoa coma cabelo constantemente. O caso foi registrado na cidade de Monclova, Coahuila.

A jovem foi identificada como Katia Jatziri ‘N’, de 15 anos, ela morreu de parada cardíaca, assim que deu entrada em um hospital na localidade para ser tratada de uma desnutrição severa; a garota pesava pouco mais de 20 quilos.

Segundo os pais da adolescente, a menina morreu devido a negligência médica. Os responsáveis pela menina registraram uma queixa contra o hospital, alegando que a filha morreu por não receber atendimento imediato.

Mas a equipe do Procurador Geral do Estado de Coahuila revelou a causa da morte de Kátia: por tricofagia ou síndrome de Rapunzel. Uma autópsia feita no corpo da vítima revelou que ela sofreu uma ruptura em seu intestino, pois tinha um quilo de cabelo, o que obstruía as funções do órgão. Com esses dados, eles relataram às autoridades, conduzindo uma investigação contra os pais da vítima.

Devido às precárias condições de Katia, os pais estão sendo investigados e podem ser acusados de negligência com a saúde da filha. A menina apresentava anemia, desnutrição grave e traços de violência. Os médicos relataram que a acumulação de cabelo no intestino era resultado de  vários anos.

O que é tricofagia ou síndrome de Rapunzel?

Essa síndrome é uma condição secundária da tricotilomania, um hábito recorrente de torcer o cabelo até que ele seja retirado e depois engolido. A tricofagia tende a ocorrer mais frequentemente em mulheres adolescentes, que apresentam alopecia (queda de cabelo); e está relacionada a alguma patologia psiquiátrica.

A síndrome de Rapunzel é mais perigosa do que parece, porque as pessoas que sofrem dessa síndrome têm dor abdominal, náuseas e vômitos, fraqueza, perda de peso, prisão de ventre ou diarreia e hematêmese (vômito com sangue).

Especialistas em psicologia dizem que diagnosticar essa patologia é muito difícil, porque os pacientes negam, por medo do ridículo. Para diagnosticá-la, uma endoscopia deve ser realizada.

Adolescente de 15 anos morre após comer o próprio cabelo compulsivamente
Gostou desse artigo?

Recomendados Para Você: